Web Rádio Foguinho Eventos Zap (74)99954-6957


6 de abr de 2018

Prefeito Dr. Nei esclarece a situação fiscal da Prefeitura e Vereadores aprovam por unanimidade reajuste salarial para servidores municipais, na 1ª Sessão do Projeto Câmara Itinerante

O Povoado de Ipiraí recebeu nesta quinta-feira (05), a primeira Sessão Ordinária do Projeto Câmara Itinerante. A iniciativa do Presidente da Casa, o Vereador Marcelo de Ipiraí, tem como objetivo proporcionar maior participação popular nas sessões da casa, além da interiorização do Poder Legislativo, de suas atividades e interação com a comunidade.
Com Plenário lotado, o Presidente da Casa deu início a Sessão abrindo espaço para os presentes se manifestarem, na sequência convidou o Presidente da Associação Comunitária de Ipiraí, Márcio Welington, que externou a alegria da Comunidade em receber o projeto. ‘’ Em nome da Comunidade quero agradecer a iniciativa. Sei que o presidente sonhava com esse momento desde 2005 e hoje está se concretizando graças a Deus e a todos os demais vereadores que votaram unanimemente. Quero agradecer ao Prefeito Dr. Nei por mais uma vez ter nos atendido e ter resposto as lâmpadas no nosso Povoado. Sabemos do seu compromisso e que tem feito milagres com os poucos recursos destinados a Prefeitura, disse Márcio.

Na sequência os vereadores da oposição, Ticha, Nei da Capelinha e Jamily fizeram uso da tribuna e cobraram do executivo algumas demandas que já estão sendo solucionadas, como é o caso da iluminação pública e contenção de despesas. 
O Prefeito Dr. Nei que estava presente fez questão de responder e explicar aos parlamentares da oposição e aos presentes a situação fiscal que vive hoje o município de Capela e as medidas que o executivo vem tomando para conseguir manter os salários em dia e investir na cidade. ‘’ Acho pertinente as cobranças dos vereadores, porém para que elas sejam efetuadas precisamos promover a liquidar débitos e organizar as contas municipais, para isso, as medidas estão sendo tomadas. A vereadora falou aqui do contrato do carro do gabinete, quero deixar claro mais uma vez que todo processo foi realizado dentro da Lei e seguiu o princípio do menor preço. Foi apresentado várias empresas e venceu quem ofertou o menor preço dentro do carro que a Prefeitura estava procurando.’’. O Prefeito ainda falou que os contratos citados pela vereadora tiveram supressão de 25%. ‘’ Todos os contratos estão sendo revisados, o citado pela vereadora mesmo teve supressão de 25%. As empresas que por acaso venham não aceitar, iremos abrir um novo processo licitatório’’, disse. Leia mais


Uma das matérias que seriam votadas na noite desta quinta era sobre o reajuste salarial dos servidores públicos municipais pelo índice de revisão geral anual de 2,50%. A categoria exige 6,81%. Com alguns professores presentes, o Prefeito Dr. Nei explicou: Os servidores estão certos, é justo, agora o que não posso é prover um pagamento que o município não pode pagar. Precisamos ter responsabilidade para ver que o município é bem maior que uma campanha salarial de servidores. Infelizmente tivemos que colocar o projeto de congelamento de progressões de carreiras, foi necessário, mas essa é a nossa realidade atual. Tive responsabilidade financeira e administrativa. Posso sair como o pior prefeito da história de Capela para os servidores, mas o futuro irá dizer da correção, responsabilidade, legitimidade e coragem que estou tendo em tomar essas medidas que são necessárias e que só os meus sucessores e os próprios servidores colherão os frutos’’, disse o Prefeito. 

Além da sua fala sobre o projeto de lei de reajuste salarial, Dr. Nei ainda apresentou por meio de números a situação fiscal do município, o que o impede de executar alguns investimentos na cidade e até mesmo de ceder o aumento solicitado pelos professores. ‘’ Eu não tenho vergonha de dizer para os senhores: eu estou devendo ao Capela Prev. E não é por que não quero pagar, é porque os recursos que estão entrando não estão sendo suficiente nem para cobrir a folha dos servidores. Não estou orgulhoso em falar isso, mas também os senhores nunca viram nenhum prefeito assumir em público que esta devendo, mas estou buscando meios para sanar a minha dívida. Na minha primeira gestão além de sermos fiéis aos pagamentos ainda quitamos boa parte da dívida. Em 2009 era de R$ 6.000.000,00. Conseguimos diminuir para R$ 4.228.747,97. E agora encontramos um débito de mais de R$ 15.160.187,87, mais do triplo de quando assumiu a gestão em 2009. Sem falar na dívida geral de mais de R$ 25.000.000,00. Não estou dizendo que o ex gestor roubou, ele assim como eu não teve como pagar. Ou era os salários dos servidores ou o Capela Prev. São medidas impopulares, mas necessárias, que requer coragem, pois nem só o Capela Prev necessita ser pago, mas toda a cidade necessita de investimentos, concluiu o Prefeito.

O Presidente Marcelo ressaltou sua alegria em realizar a Sessão Ordinária Itinerante em Ipiraí, e rebateu as críticas feitas pela Vereadora Jamily sobre a iluminação pública. ‘’ A vereadora disse que passou aqui no Povoado às 23h, sabem porque ela passou esse horário? Porque ela passa o dia todo em Feira de Santana, e esse é o único horário que ela tem para visitar o município. Cadê o compromisso com os votos que a senhora teve, vereadora? Quero também agradecer ao Prefeito pelas diversas indicações que já foram atendidas, mesmo com as dificuldades, como a reforma da nossa Escola, nossa rede de esgoto em frente ao PSF, dentre outras. Obrigado aos colegas vereadores que abraçaram a ideia da Câmara Itinerante. Quero agradecer a todos que compareceram aqui, para juntos debatermos melhorias não somente para Ipiraí, mas também para toda cidade e que agora após os esclarecimentos do Prefeito Dr. Nei sobre a situação fiscal do nosso município, possamos votar mais conscientes nas matérias’’, concluiu o Presidente. 

Após as falas foi votado por unanimidade o Projeto de Lei nº681 de 14 de março de 2018 encaminhado pelo Executivo Municipal, que prevê o reajuste salarial dos servidores municipais pelo índice de revisão geral anual de 2,50%. A Lei apresentada pelos legislativos ainda dispõe que os vencimentos básicos, gratificações e vantagens fixados em lei sejam com efeito retroativo a 1º de março do referido ano. Além do projeto de reajuste salarial, ainda foram votados o Projeto de Lei 684 que cria Fundo Municipal de Educação e o 681 de reajuste salarial dos servidores da Câmara Municipal, ambos também votados por unanimidade. 
#SessãoItineranteIpiraí #VereadoresPresentes

Nenhum comentário:

Tabela do Campeonato Brasileiro Serie A 2018.

Visita Online