Web Rádio Foguinho Eventos Zap (74)99954-6957

24 de abr de 2013

Clínica IOM de Mairi

NA CLÍNICA IOM DE MAIRI VOCÊ ENCONTRA UMA EQUIPE DE DENTISTAS ATENDENDO TODAS AS ESPECIALIDADES.


ALÉM DE : ATENDIMENTO MÉDICO, FISIOTERAPIA, PILATES E LABORATÓRIO REALIZANDO EXAMES DE SEGUNDA A SEXTA.


NESTE MÊS TEM:


ENDOSCOPIA + MÉDICO GASTRO DIA 26/04

UROLOGISTA DIA 08/05

DERMATOLOGISTA DIA 11/05

ULTRASSOM DIA 17/05



CLÍNICA IOM

PRAÇA J.J.SEABRA, Nº 58, CENTRO MAIRI

TELEFONES: (74) 3632-2303 E 99649095

Riachão do Jacuípe - Acidente envolvendo Carro de combustível e camioneta com vítima fatal.

Na manhã desta quarta-feira (24) por volta de 10hs um gravíssimo acidente aconteceu no km 440 da BR-324 em Riachão do Jacuípe envolvendo um veiculo caminhonete L200 placa IAG-0267 licença de Salvador, e um caminhão tanque carregado de óleo diesel, placa JKY-9465, a forte colisão destruiu completamente os veículos, o motorista da L200 morreu no local.
       
Havia a suspeita da morte do motorista da carreta, mas por um milagre, o repórter da Rádio Baiana FM, Marcos Cicero, percebeu que o motorista de mexia e respirava, ao chegar próximo da carreta para fazer uma foto. Vários homens que estavam no local e uma equipe médica do HMR (Hospital Municipal de Riachão) foram rápidos e correram para socorrer o mesmo.

Com muita dificuldade os voluntários fora retirando o arame farpado que prendia o corpo do motorista, e assim conseguiram retira-lo, ele foi encaminhado para o HMR onde passou pelos primeiros atendimentos médicos e foi transferido para o HGE (Hospital Geral do Estado), segundo a equipe medica seu estado e grave e inspira cuidado. Infelizmente o motorista da L200 nao teve a mesma sorte, já está confirmada sua morte.

Não se sabe até o momento as identidades dos motoristas, devido o nível de destruição da L200 não se sabe também se o motorista do veiculo viajava sozinho, logo mais levantaremos as informações.

VEJA O VÍDEO: EXCLUSIVO:

Fonte: http://horadaverdade104.blogspot.com.br
Por: Alana Adrielle.

Costureira é assassinada ao receber flores no conjunto Feira X, em Feira de Santana

A costureira Josefa Barbosa de Lima, 53 anos, que residia na rua L, caminho S 29, casa 1.097 no conjunto Feira X, foi assassinada por volta das 12 horas desta terça-feira (23). A mulher, que tinha uma pequena fábrica de confecções na própria residência, estava sozinha quando foi morta.
Segundo informações de populares, um homem chegou no portão da casa com uma planta ornamental e a chamou. Josefa se dirigiu ao portão para receber o que seria um presente, no entanto recebeu um tiro que atingiu a cabeça. A costureira morreu na hora.
O crime está cercado de mistérios e segundo os vizinhos de Josefa, ela era uma mulher honesta, trabalhadora, morava com um filho em casa e estava a algum tempo separada. O homem que atirou em Josefa, provavelmente, estava em uma moto e após matá-la fugiu tomando rumo ignorado.
O corpo de Josefa ficou estendido no hall da casa, o que chamou a atenção de muitos curiosos que se acotovelavam no pequeno portão da residência. Policiais militares da companhia 67ª estiveram no local até a chegada das equipes da Delegacia de Homicídios (DH) e do DPT (Departamento de Polícia Técnica).
O levantamento cadavérico foi feito pela delegada Ana Cristina Carvalho, adjunta da delegacia. Cautelosa, ela se limitou a dizer apenas que a mulher foi morta com um tiro de uma arma de grosso calibre, que ela não soube precisar.
Ana Cristina conversou com familiares da vítima, mas não adiantou informações que colheu no local do crime. Ela confirmou que o homem realmente estava com uma planta ornamental no momento em que praticou o crime.


Fonte: Acorda Cidade

Mairienses deixam a cidade para trabalhar em usina no interior de São Paulo.

Alguns jovens deixaram o município de Mairi na tarde desta quarta-feira, 24 de abril de 2013, para trabalhar em uma usina de fabricação de açúcar e álcool no Estado de São Paulo. 
Os trabalhadores saíram do Terminal Rodoviário da cidade de Mairi por volta das 14h, em um ônibus da empresa Emtram com destino ao município de Santa Bárbara d’Oeste, no interior paulista, a 130 km de São Paulo.
Segundo informações, vários jovens de Mairi e de outros municípios do Nordeste do Brasil foram para o interior de São Paulo para trabalhar na Usina Açucareira Furlan S/A.
A Usina Furlan S/A foi fundada em 1910. No princípio era fabricado o açúcar Batido; uma espécie de açúcar mascavo. Batido porque o caldo era condensado em grandes tachos, e usava enxada para mexer e bater a massa, daí o nome açúcar Batido. A colheita ou safra da Agroindústria canavieira historicamente ela começa em abril.
Os jovens saindo de Mairi
Responsabilidade Social da usina
Refeitório
Nas instalações da Unidade de Santa Bárbara d´Oeste existe um espaço reservado para os funcionários realizarem suas refeições. São servidas diariamente aproximadamente 320 refeições neste local e distribuídas outras 1300 em diferentes frentes de trabalho. O cardápio e a alimentação são preparados por funcionários de uma empresa terceirizada especializada em Nutrição Empresarial.
Alojamentos
A empresa disponibiliza para funcionários vindos de outras regiões do país locais para moradia, com toda infra-estrutura de saneamento básico e acomodações.
Centro de treinamento
A  Usina Açucareira Furlan dispõe de um centro de treinamento em suas dependências. O local é utilizado para capacitação dos funcionários que atuam em serviços gerais, maquinário e em técnicas de manejo agrícolas. No mesmo local, durante o período noturno, a empresa, em parceria com o Serviço Público Educacional Municipal, oferece o projeto de alfabetização de jovens e adultos aos colaboradores e seus familiares.
Cantinho
Espaço destinado ao lazer e formação educacional de crianças até 14 anos. Além de brinquedos tradicionais, possui uma videoteca e biblioteca. Enquanto as crianças aprendem e brincam, supervisionadas por monitoras, as mães podem participar dos cursos oferecidos em costura.

Colaborações
A empresa colabora com entidades e clubes de serviços assistenciais da cidade de Santa Bárbara d´Oeste.

Assistência
Fornece assistência social aos funcionários e familiares em situações de despreparo ou desamparo.

Da redação do Blog agmar Rios

Baixa Grande – Estudantes Comentam a paralelização dos Trabalhadores em educação.

De nove estudantes entrevistado nesta segunda-feira, 23 de abril na cidade de Baixa Grande, três concorda com a paralisação, quatro não concorda e uma ficou na dúvida. Diversos professores da educação municipal e estadual aderiram à educação, preocupação dos alunos neste momento é saber se vai haver aula ou não devido a alguns não aderidos a paralisação, outra preocupação mostrada pelos estudando é que em uns dos colégios está tendo a semana de prova e não se sabe se vai haver a segunda chamada ou não.
  
Os educadores que paralisaram estão seguindo a sugestão da Confederação Nacional de Trabalhadores em Educação (CNTE), onde reivindicam: piso, carreira, jornada, profissionalização do funcionário da educação, melhoria na educação de trabalho no ambiente escolar e o cumprimento do que determina a lei do piso nacional.


                                                                  VÍDEO ENTREVISTAS
  
www.baciadojacuipe.com.br
Por: Ediomário Catureba

Tabela do Campeonato Brasileiro Serie A 2018.

Visita Online