Web Rádio Foguinho Eventos Zap (74)99954-6957

16 de abr de 2013

1º Encontro Estadual de Vereadores e Vereadoras do PCdoB

SAM_1796
O Diretório Estadual do PCdoB promoveu o 1º Encontro Estadual de Vereadores e Vereadoras. O evento aconteceu no Hotel Sol Bahia, localizado em Patamares, na capital baiana, nos dias 12 e 13 de abril de 2013.
Entre as atividades ocorreram palestras, debates e um jantar de confraternização. A condução dos trabalhos foi feita pelos membros dos diretórios Nacional e Estadual do partido, pelos deputados comunistas da Câmara Federal e da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), além de convidados.
O Deputado Federal Daniel Almeida, presidente do Partido Comunista do Brasil – PCdoB, na Bahia, lembrou do crescimento no número de vereadores eleitos nas últimas eleições municipais, destacou ainda o importante papel do PCdoB em nível Nacional e Estadual, e enfatizou que o partido irá continuar seguindo o caminho da mudança implantado por Wagner na Bahia, Lula e Dilma no Brasil.
O Vereador Danillo Sales, avaliou que esse evento foi de muita importância para o seu mandato, sabendo que foram dois dias de muitas experiências e contatos que irão contribuir para desempenhar seu papel no Legislativo de Várzea da Roça.
“Encontrei diversos amigos já conhecidos no PCdoB, a exemplo dos Vereadores Jane de Ourolândia, Tota de Quixabeira, entre outros, e também pude ter o prazer de conhecer  vereadores (as) como Jair de Itaquara, Fernanda da Cidade de Wanderley e Toinho da Cidade de Poções, foi uma experiência a mais no meu currículo político”, destacou Danillo Sales.
A direção do Partido informou ainda que estará marcando encontros regionais para interagir ainda mais os Comunistas.
Fonte: Ascom

Vereador Danillo Sales reivindica ações na área de esporte a Raimundo Nonato (Bobô do Bahia) – Superintendente da SUDESB.

SAM_1739
Na ultima quinta-feira, 11 de abril, o Vereador Danillo Sales, juntamente com os vereadores Tota (Quixabeira) e Jair de Itaquara, ambos do PCdoB, estiveram presente na SUDESB – Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia, reivindicando ações para os seus municípios.
Em conversa com Raimundo Nonato, conhecido com Bobô do Bahia, o Vereador Danillo Sales solicitou que as ações da SUDESB continuem abrangendo a cidade de Várzea da Roça, lembrou ao mesmo que Várzea da Roça participou entre 2008/2011 da Copa do Jacuípe sub-17, sendo Campeã por duas vezes 2009/2010 e vice-campeã em 2011, tendo atletas que se destacaram nessas competições, a exemplo de Jê, que estava no Vitória e está indo para o Vasco da Gama no Rio de Janeiro; Jujú, que está no Vitória e Joãozinho, filho de Jamilson, vereador do PCdoB, que está no Salvador Esporte Club e que há poucos dias esteve disputando um Campeonato na Espanha.
Em nossa cidade existe muitos atletas no futebol, só faltam  oportunidades, temos também que buscar incentivos não só para o futebol, mas também para outras atividades. Esporte é vida, o Vereador Danilo Sales lembrou ainda que na Gestão passada foram encaminhados pelo então Diretor de Esporte Franklin, algumas solicitações para o Programa Segundo Tempo, solicitando informações a esse respeito.
SAM_1737
Bobô, por sua vez, disse que irá apoiar cada vez mais o esporte por toda a Bahia e, claro, que o apoio da SUDESB irá continuar chegando ao município de Várzea da Roça, ressaltou que o Programa Segundo Tempo terá dois núcleos na Cidade de Várzea da Roça, está em tramite o processo seletivo REDA para a contratação de profissional da área para a execução do Programa, esse processo seletivo irá acontecer no próximo domingo dia 14 de abril.
 Fonte: Ascom

Manifestantes interditam BA-120 em Queimadas

A população de Queimadas realizou uma grande manifestação nesta terça, 16 de abril de 2013. Os manifestantes queimaram pneus, usaram faixas e tiveram o apoio dos vereadores dos municípios de Queimadas e Santaluz. A BA-120 ficou interditada na ponte do Rio Itapicurú que liga o município de Queimadas a Cansanção, como também apoio de lideranças a exemplo dos ex-prefeitos Maurinho, Edvaldo e Serginho que estavam fazendo parte do protesto. 
Durante o manifesto apenas as ambulâncias tiveram passagem liberada. Esse protesto é contra a falta de ação do Governo Estadual no combate a seca principalmente a falta da limpeza da barragem da leste.
Os municípios de Santaluz e Queimadas ficam até 35 dias sem abastecimento e quando é abastecida, a água vem através das barragens de Ponto Novo e Pedras Altas, porque a barragem da Leste que é uma represa de pedra e cimento, feita no leito do rio Itapicuru na década de 1940 pela ferrovia  e explorada pela Embasa, está seca e tomada por muita areia e lama, e por não ser uma barragem de captação e sim uma barragem de nível e com a falta de limpeza piora a situação.
O município de Santaluz foi representado pelos vereadores: Dida, Pêu, Sergio Suzart, Luizão, Paulão, Danda, Manoel de Lea e Jeová Lourenço.
O vereador Miraldo Sena, líder da bancada do atual gestor do município de Santaluz, disse que o governo gasta tanto com construção de estádios de futebol e esquece que o povo esta passando sede e os animais morrendo.
O ex-prefeito Edvaldo Caires em entrevista  disse que a última vez em que a barragem foi limpa, foi no ano de 1993, na época em que ele foi prefeito. “Se não limpar o manancial corremos o risco de, dentro de mais alguns anos, não termos o rio em nossa terra”, falou com preocupação o ex-prefeito queimadense.

Por: Adimário Reis – Blitz Notícias

Major Brandão discute Segurança Pública na Câmara de Vereadores de Capim Grosso

Com o salão das sessões lotado,  a Câmara de Vereadores de Capim Grosso recebeu o Major Brandão  da 24ª CIPM, que representa 19 municípios,  no momento a Polícia  flagra alguém fugindo das normas e leis, então é obrigação, que seja adotada uma postura,  conduzir veículos sem habilitação é infração e crime de trânsito e nós não podemos desobedecer as leis.
O Major explicou que  em uma  cidade como Capim Grosso onde o contingente é pequeno a os policiais não tem condições de estarem em todos os lugares, mesmo assim,  tem sido feito muita coisa.  Ressaltou a questão de cultura em cada cidade, sendo necessário repensar o país de uma forma ampla.
A sessão foi conduzida pelo Presidente da Casa, Manoel Fernandes, que abriu espaço para que os edis fizessem perguntas ao Comandante da 24ª Cia Independente.
Gilberto do Peixe perguntou sobre as  moto taxis que  estão atrasadas e pessoas que não tem a habilitação, pedindo prazo para que sejam feitas as regularizações, “pois a seca é grande e a situação é precária”.
Brandão  – “Vejam o que é cultura” , ressaltando que em Juazeiro, logo que atingissem maioridade os jovens  tiravam a datilografia e sua 1ª habilitação, incentivados pelos pais guinando para a cidadania. “ A habilitação é facultativa e imputável , necessário Auto Escola e exames,  e o Estado analisa para tal”.  Colocou ainda que muitas pessoas são boas na condução mas, ficam na retaguarda por não conseguir passar nos exames. “ Quem sou pra dizer que vou dar um tempo? Amanhã ou depois serei destituído se falar isso aqui”.
Prof. Ney perguntou se confirma a informação da troca no comando a cada três meses,  se procede? E Sobre as motos que já estão apreendidas em Jacobina?. Gostaria de um bom censo.
Brandão -   “As operações podem ser afrouxadas, ela tem o momento, o espaço e direcionamento, pode estar ocorrendo dessa forma, houve a necessidade da intensificação e pode voltar a qualquer hora, sobre as motos apreendidas regularizem” . E disse que foram encontrados veículos com restrições de furtos e roubos. “Na esfera de competência pode fracionar, pois tem vários oficiais”. Já possibilitou o desmembramento do Pelotão,  e que a população pode  ajudar.
Samoel Moto Taxi  – As pessoas se apegam a vários tipos de trabalho e se arriscam sem habilitação para  ganhar o pão de cada dia, percebemos que a cidade esta acuada, uma habilitação custa 1.500 reais e o Governo paga 600 reais de salário. Motos foram levadas para Jacobina, até motos emplacadas estão levando, porque não foram colocadas no Pelotão de Capim Grosso?
Brandão - “O Código Nacional de Trânsito no momento que flagra o cidadão sem a habilitação diz que a moto tem que ficar retida.  O pátio encheu e precisava desafogar , o correto é a Retran ter  um pátio aqui, para que isso não aconteça.  A lei determina isso que se apreenda e apresente o veículo.  Será que não é o momento da Auto  Escola Pblica do Trânsito para Capim Grosso?”
Bruno  Victor –  O edil lembrou que não existe em cidades grandes pessoas vendendo leite em motos, “quando falamos sobre  o prazo é porque escureceu e amanheceu e acordamos com isso”,  pra tirar a habilitação não precisa ler e escrever não, tem que ter curso superior. O Governo coloca o Major como representante, mas,  não quer saber que a roça não tem capim pra dar ao Jegue, e nem  onde o pobre vai tirar o dinheiro pra tirar a habilitação. Tudo tem que ter um prazo”.
Brandão - “Não discordo, mas viemos em uma situação atípica, que todos vocês sabem o motivo, me coloco a disposição para que vocês agendem o contato com a direção geral do Detran em Salvador.
Antonio de Brás- “Represento a zona rural, e a nossa população foi pega de supetão, e parece que a tragédia que aconteceu,  as pessoas vão ter que pagar,  abordagens da forma que foram feitas, que  não venham acontecer, tem que ser de forma moderada, educativa e que todos nós possamos desempenhar trabalhos em que não se traga constrangimento”.
Arivelton Mota – “Nós ouvimos  muitas pessoas preocupadas com o serviço da Policia Militar em Capim Grosso, procuramos os responsáveis,  e eu queria fazer a pergunta se a municipalização do trânsito poderia reduzir esse tipo de abordagem.  Nenhuma  pessoa que cometeu esse crime foi preso com essas abordagens”.
Brandão - De hipótese alguma o trabalho foi direcionado para o cidadão, o Estado ataca vários flancos, velados e investigativos, talvez estariam jogando pedra em mim se estivéssemos matando delinqüentes,  mesmo que não tivesse nada a ver. Nada vai ficar sem resposta, muitos trabalhos estão sendo feito, quantos se passam por coitados e por trás é articulador da criminalidade. Será que nós não já chegamos ao nosso objetivo? O índice de criminalidade agora é quase zero  e a polícia está aqui pra trazer o bem”. Disse ainda que a municipalização requer gastos, mas que todo o montante arrecadado com multas vai para o município, porém, é necessário montar toda uma estrutura, não sendo fácil, mais que pode trazer benefícios.
Frank –  Ressaltou a presença de  lideres religiosos, Sindicato do Trabalhadores Rurais, trabalhadores municipais, Rotary club,  entre outros,  “a sua participação foi importante para a construção do desenvolvimento de Capim Grosso, sabemos que algumas pessoas foram prejudicadas, mas sabemos que o trabalho foi importante para a segurança publica da cidade.   Entendemos que alguns momentos não temos as respostas que queremos, muito satisfeito que o senhor se colocou a disposição da comunidade.” Perguntou  se uma base comunitária não pode ser trazida para Capim Grosso de uma forma emergencial.
Brandão - “A Cia independente o Estado irá destinar recursos próprios , com estruturas  mais modernas de efetivo e  viaturas, além de recursos oficiais”.  Lembrou do Eixo Rodoviário que circunda a cidade que se faz necessário uma Cia Independente. “A policia hoje que estar muito mais perto das pessoas  para que entenda melhor os problemas e possa  resolve-los’.
Dete  -  Disse que a presença do Major foi louvável, e que agora os vereadores têm o que falar ao povo em relação as atitudes que serão tomadas daqui por diante.
Vanderley – Disse estar muito  triste diante dessa situação,  “mas o Major esta aqui dando explicações e até porque a sociedade nos cobra,  mas estamos  pedindo  aos órgãos,  fazendo cobranças no intuito de melhorar a segurança”.
Após os legisladores tirarem suas duvidas, foi a vez do Presidente Manoel Fernades ceder espaço para que a população pudesse perguntar ao major Brandão sobre a situação da segurança  Pública na cidade.

Ascom

Depois de quase 23 anos, Justiça de Mairi julga processo de homicídio

Será julgado pelo Tribunal do Júri da Comarca de Mairi, nesta quarta-feira, dia 17 de abril de 2013, às 09h, sob a presidência da Exma. Sra. LUIZA ELIZABETH DE SENA SALES MAIA, Juíza Presidente do Tribunal do Júri, o processo movido pela Justiça Pública, contra o réu ADELINO MOREIRA DOS SANTOS e OUTROS, acusado pela Justiça Pública de ser um dos autores do crime de Homicídio Simples, ocorrido em 09/10/1990, na Fazenda Lajedo Bonito, na cidade de Várzea da Roça, que teve como vítima os SD ALBINO SABINO DOS SANTOS e ALBERONE FERREIRA DOS SANTOS SOBRINHO, respectivamente Delegado da Polícia Civil e Comandante da Polícia Militar de Capim Grosso.
Acusação ficará por conta da Promotora de Justiça desta Comarca, a Dra. LETÍCIA QUEIROZ DE CASTRO, e a defesa a cargo do DR. MÁRIO FRANCISCO TEIXEIRA OLIVEIRA, advogado militante no oeste da Bahia. Nesta Sessão será julgado apenas o réu ADELINO MOREIRA DOS SANTOS, o qual se encontra preso na Delegacia desta cidade, desde o ano 2011.
Esta será a primeira Sessão do Júri, realizada no Fórum local, vez que as demais, foram realizadas em clubes e Câmara de vereadores.
Informações prestadas por Eduardo Ferreira dos Santos, Escrivão Designado da Vara do Júri da Comarca de Mairi/BA.

Fonte: Mairi News

Jacobina sedia curso de Socorrista Profissional

 
Com o objetivo de trazer conhecimentos práticos e teóricos aos profissionais formados, professores, estudantes e ao público em geral, a Salva Sollys (Gerenciamento, Treinamento e Capacitação Profissional) em parceria com o Centro de Especialização Técnica – CETEC, trouxe para Jacobina no último fim de semana (13 e 14/04), o curso de Socorrista Profissional, com Treinamento em APH (Atendimento Pré-Hospitalar), ministrado pelo professor Fábio Soares, do Grupo RT (Resgate do Trauma).

As aulas aconteceram no Colégio Municipal Gilberto Dias de Miranda (Comuja), finalizando com uma simulação de acidente de trânsito, com vitimas, gravemente feridas, no Alto das Missões, evento que chamou a atenção do público presente, por parecer uma situação real.

Fábio é especialista em socorro e resgate e veio a Jacobina a convite do professor Jailton Oliveira, diretor da Salva Sollys. O mesmo curso deverá acontecer nos dias 18 e 19 de maio em Sr. do Bonfim.
Socorrista
O socorrista atua na identificação de situações de risco e comando das ações de proteção ambiental, da vítima e dos profissionais envolvidos no seu atendimento. Faz ainda o resgate de vítimas em locais ou situações que impossibilitam o acesso da equipe de saúde.
O socorrista é o indivíduo habilitado para prestar atendimento pré-hospitalar e credenciado para integrar a guarnição de ambulâncias do serviço de atendimento pré-hospitalar. Pode realizar suporte básico de vida, com ações não invasivas, sob supervisão médica direta ou à distância, fazendo uso de materiais e equipamentos especializados.
Durante o curso foram abordados os seguintes conteúdos:
  • Anatomia voltada ao trauma
  • Abordagem a Vítima
  • Sinais Vitais
  • Obstrução de Vias Aéreas
  • Parada Cardiorrespiratória
  • Reanimação Cardiorrespiratória
  • Ferimento, Hemorragia e Choque
  • Fraturas e Imobilizações
  • Traumas Específicos
  • Acidente com Multiplas Vítimas
  • Noções de Busca e Salvamento
  • Orientação e Sobrevivência
  • Simulação Prática de Acidentes
  • Dentre outros
Fonte: Opovoquersaber.com/Antonio Carlos

Jacobina: Polícia Civil desarticula quadrilha que assaltava mercadinhos

 
Foi apresentado em coletiva de imprensa, pelo Delegado Titular Dr. Rogério, o Otaciano Silva de Sousa, vulgo “Belo”, acusado de chefiar quadrilha que assaltou 06 mercadinhos na cidade de Jacobina. Belo, que é morador do Bairro Jacobina IV, foi enquadrado por porte ilegal de armas e corrupção de menores, junto com ele ainda foram presos os menores C.S.B. e S.H.S.S. ambos de 17 anos. Os IPCS Alex Souza, Mário Custodio e Evaldo Carvalho foram até um estabelecimento no bairro da Catuaba, onde havia uma denúncia de assalto a mão armada, após colherem informações, eles chegaram até os menores que confessaram ter usado no assalto uma arma calibre 32.
Sempre pilotando uma moto Honda Pop 100 de placa policial OKS 9937 de Jacobina, os menores eram enviados por “Belo” para praticarem o assalto. Além do revólver calibre 32 eles ainda utilizavam uma espingarda bate bucha e um canivete. Os menores serão encaminhados para o Ministério Público. Diário da Chapada
 
Dr. Rogério – Delegado Titular

UMA SEGUNDA “SEM CARA DE FEIRA”


A feira de Capim Grosso passou por uma situação inédita nesta segunda-feira 15/04, geralmente todas as segundas, um grande volume de pessoas e veículos vindos de todas as partes da região disputam espaço e fazem do centro de Capim Grosso. Um dos centros comerciais mais “fervorosos” da Bahia, mas esta semana foi diferente, quem passou pelo centro da cidade e quem visitou a feira livre percebeu uma movimentação bem menor do que de costume, a famosa segunda-feira de Capim Grosso, parecia um dia “comum” com um movimento moderado, onde vagas para estacionar eram encontradas facilmente, na praça José Prado Alves a Praça da Feira, se podia transitar tranquilamente entre as inúmeras barracas e comerciantes que reclamaram da situação.

Feirantes e comerciantes atribuem a “feira fraca”, ao longo período de estiagem, que tira de circulação um valor financeiro considerável, o que torna o consumidor mais seletivo fazendo com que o mesmo adquira na maioria das vezes produtos essenciais no dia a dia causando inevitavelmente uma “quebra” no comércio, outro fator atribuído ao movimento quase desértico desta segunda-feira, é o fato de as policias estarem realizando constantemente blitz no perímetro urbano, e isso também segundo os comerciantes tem afastado o consumidor de baixa renda, principalmente moradores da zona rural, que quase na maioria deles tem como meio de transporte, veículos com documentação pendente ou não possuem Carteira Nacional de Habilitação.

Texto: Jean Carlos

Jerema é campeã do torneio de futebol no povoado de Viração, município de Baixa Grande

No último domingo, 14 de abril de 2013, foi realizado um troneio de futebol no povoado de Viração, município de Baixa Grande. Jerema foi à grande campeã.
O torneio seria realizado com 8 equipes, mas só 6 marcaram presença.  Na primeira fase, Jerema e Viração empataram em 0 a 0 no tempo normal. Nos pênaltis, Jerema venceu por 2 a 1.
Nas semifinais, Jerema venceu a equipe de Joeli pelo placar de 1 a 0 e se classificou para a próxima fase. Na grande final, Jerema empatou com a equipe do Brejo em 0 a 0. Nos pênaltis, a equipe da Jerema venceu por 3 a 2 e sagrou-se campeã.
Campeã - Jerema
Jerema jogou com: Mamá, Darley, CD, Neto, Nem, Nego, Leu, Ramon, Gustavo, Dezo, Lucas, Marcones, Emerson e Maurício.
Vice-campeã - Brejo
Brejo jogou com: Valdemir, Nem, Emerson, Amaral, Ueligton, Brizola, Bidal, Jaquinha, Cesar, Romário, Joelson, Joilson, Geone, Alex e Wilson.

Redação: Agmar Rios/Fotos: Bacia do Jacuípe

Jovem sofre saidinha bancária em Baixa Grande

O Jovem Magno dos Santos Ferreira, que reside no Povoado do Tabuleiro, sofreu uma saidinha bancária na manhã desta segunda-feira, 15 de abril de 2013, na cidade de Baixa Grande.
Magno sacou cerca de R$ 3.00,00 (três mil reais) na agência do Banco do Brasil, localizada na Praça Manoel Ribeiro Soares, no centro da cidade.
O fato aconteceu por volta das 9h da manhã em frente ao Banco do Brasil, quando dois homens bem trajados se aproximaram e conseguiram furtar o dinheiro da vítima. Magno registrou uma queixa na delegacia de Policia Civil que está fazendo as diligência e investigação.

Fonte: www.baciadojacuipe.com.br

Tabela do Campeonato Brasileiro Serie A 2018.

Visita Online