Web Rádio Foguinho Eventos Zap (74)99954-6957

16 de fev de 2018

Jovem morre após sofrer acidente de moto na BA-130, entre Várzea da Roça e São José do Jacuípe

Nesta sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018, por volta do meio dia, aconteceu um grave acidente na BA-130, entre Várzea da Roça e São José do Jacuípe, na Bahia.

Informações de populares, uma moto Honda/CG 125 Titan, de cor azul, placa JQF-1086, licença de Capim Grosso, colidiu contra um carro de dados não  anotados que estava parado na pista.  

O condutor da moto identificado como Danilo Pereira da Silva, de 22 anos, natural de Capim Grosso-BA, não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

A SAMU foi acionada ao chegar no local foi constatado  o óbito de Danilo. A polícia  Militar de Várzea da Roça, esteve no local orientando o trânsito  até a chegada da PRF sobre a guarnição SGT PM Ricardo aguardando a chegada do DPT de Jacobina

O acidente aconteceu nas proximidades de Olivino, no município de Várzea da Roça. O corpo do jovem será encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Jacobina para os procedimentos de praxe.
Da Redação Agmar Rios e Foguinho Eventos / Fotos Foguinho Eventos.








Micro-ônibus que se envolveu em acidente com vítima fatal na BR-116 estava indo com destino a Gavião


Um motorista morreu e pelo menos 32 pessoas ficaram feridas em uma batida entre uma carreta e um micro-ônibus na BR-116, trecho de Manoel Vitorino, sudoeste baiano, na manhã desta sexta-feira (16).

 Segundo o Blog do Marcos Frahm, todos os feridos foram encaminhados ao Hospital Prado Valadares, em Jequié, por ambulâncias do Samu, da Via Bahia, concessionária da rodovia, e de prefeituras da região.

 Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF-BA), o acidente ocorreu por volta das 5h40, na altura do km 719. Ainda segundo o Blog, o micro-ônibus tinha saído de São Paulo com destino a Gavião, na região sisaleira baiana. A vítima fatal, o motorista da carreta, ficou preso às ferragens e morreu no local. 

Fonte Bahia Notícias

Em crise, Hospital Regional Deputado Luís Eduardo Magalhães pode fechar as portas em Mairi

O Hospital Regional Deputado Luís Eduardo Magalhães (HDLEM), situado no município de Mairi, cerca de 300 km de Salvador, está prestes a fechar as portas. Segundo denúncias, os médicos estão sem receber salários há três meses, os fornecedores não estão sendo pagos e não há medicamentos na unidade de saúde.

Em nota enviada ao Bocão News, na tarde desta quinta-feira (15), a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) afirmou que está em dia com as suas obrigações junto à ProSaúde, administradora da unidade hospitalar, e que as questões trabalhistas devem ser tratadas pelos funcionários junto à empresa.

A direção do Hospital Regional Deputado Luís Eduardo Magalhães (HDLEM) informou, por meio da assessoria de imprensa, que não procedem as informações sobre falta de medicamentos. A unidade hospitalar afirmou que o estoque está abastecido normalmente. 

Quanto ao pagamento de médicos, a assessoria explicou que existe um único atraso pontual – e não de três meses –,  e que não interfere no serviço prestado. A direção destaca, ainda, que está em tratativas com o Governo da Bahia para normalizar os repasses e, consequentemente, efetuar os pagamentos de prestadores de serviços e fornecedores.

Ainda de acordo com informações da assessoria de imprensa, em 2017, o HDLEM realizou uma média mensal de 105 internações, 15 cirurgias, 12 partos, 3.966 exames, 580 consultas ambulatoriais e outras 4.831 no Pronto-Socorro, totalizando mais de 9 mil atendimentos. 

Fonte: Bocão News

Visita Online