Web Rádio Foguinho Eventos Zap (74)99954-6957

23 de fev de 2018

6º “Verão na Praça” de Baixa Grande um palco de talentos, conscientização, cultura e saúde

Mais uma edição do Projeto “Verão na Praça” é realizada na noite desta quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018 na cidade de Baixa Grande, a cada semana o evento reúnem mais público, novas ideias e novos talentos têm se revelados.

Esta quinta-feira iniciou com a aula de Aeróbica e Funcional com o professor Cláudio Roberto da Academia Espaço Raiz Ativa, o professor trouxe pra avenida além dos exercícios a conscientização com o reaproveitamento de pneus para os exercícios, para Claudio Meio Ambiente e Saúde anda junta, pensando nisto ele trouxe a sua academia o reaproveitamento de materiais que iria para o lixo e hoje serve para o exercício.
REPORTAGEM EM VÍDEO
Logo após a aula de Aeróbica e Funcional estreou o recém-criado grupo de dança, Dance Girls, composto por quatro adolescentes, o grupo executou várias coreografias que foi  acompanhadas pelo público.

Em entrevista ao Portal Bacia do Jacuípe o prefeito Heraldo Alves Miranda disse que o “Verão na praça” é uma antiga ideia dele e agora como prefeito pode colocar em prática, Heraldo prometeu o "Verão na Praça" para todos os anos. A 1ª edição do projeto encerra no dia 8 de março com uma programação especial.

O show do palco ficou por conta da cantora Luziane Rios, acompanhada de dois músicos deu um shows no “Verão na Praça”, a convite de Luziane um jovem de Lagoa Queimada estreou no palco, mais um talento nascendo em Baixa Grande, o WS Famosinho, ele trouxe a boa músicas o público de sua comunidade que dançavam e juntos cantaram vários sucessos.

Também a convite de Luziane Rios o cantor Almir Junior da cidade de Mairi encantou e cantou no palco do 6º "Verão na Praça", com uma voz brilhante o cantor interpretou vários sucessos do axé músic e o reggae baiano dos anos 80 e 90 e fez o público dançar na Praça de Baixa Grande.
Fonte: www.baciadojacuipe.com.br

Justiça decreta prisão temporária de dois suspeitos de envolvimento na morte de Bruna Santana

A juíza Márcia Simões Costa decretou no início da noite desta sexta-feira (23), a prisão temporária de dois suspeitos de envolvimento no assassinato da adolescente de Serra Preta Bruna Santana Mendes, 16 anos, que foi encontrada morta na manhã da última quarta-feira (21) dentro de um saco em Feira de Santana.
Segundo o delegado Fabrício Linard, titular da Delegacia de Homicídios, Deividson Jorge dos Santos, 18 anos, e Eric Pereira Maciel, 20 anos (na foto usando camisa branca), ficarão presos por 30 dias. Nesta sexta-feira a força tarefa da Polícia Civil, formada para investigar o caso, ouviu diversas pessoas, incluindo os dois suspeitos, que negam participação no crime.
Além disso, a polícia recolheu em uma casa, aparentemente sem moradores, no bairro Jardim Cruzeiro, sacos semelhantes aos que estavam com o corpo de Bruna. Esses sacos serão analisados e comparados com as demais informações sobre o crime. Segundo o delegado, Fabrício Linard, existem várias linhas de investigação, mas a que se destacou é a que atribui a suspeita a dois moradores do mesmo quarteirão da casa dos parentes onde a jovem estava hospedada, no bairro Jardim Cruzeiro.

“Na manhã de hoje fizemos uma busca na residência desses dois indivíduos e fizemos a apreensão de sacos similares ao que foi utilizado para embalar o corpo da jovem. Diante dos fatos, apesar dos mesmos negarem qualquer participação no crime, procedemos uma representação na Vara do Júri, e analisando o que já tínhamos apurado, diante da necessidade que temos de amadurecermos mais a investigação, foi concedida uma prisão temporária de 30 dias para ajudar nas investigações. Esse prazo é legalmente estabelecido para concluir o inquérito, mas pretendemos concluir em menos tempo”, informou o delegado.
Ele explicou que para consegui uma prisão temporária, não são necessárias provas robustas da autoria daquele fato. “Meros indícios, como os que temos, são suficientes. É um tipo de prisão que visa auxiliar a polícia na conclusão da investigação. Se essas pessoas estivessem soltas, poderiam intimidar testemunhas e pessoas que pudessem favorecer na investigação do caso”, afirmou Fabrício Linard.

Ainda segundo o delegado, essa prisão temporária pode ser transformada em preventiva (com prazo indeterminado), caso a polícia obtenha elementos fortes que os apontem como envolvidos. O delegado informou também que chegou até os dois suspeitos através de denúncias anônimas.

Imagens de câmeras de segurança

A polícia recolheu várias imagens de câmeras de segurança e em uma delas, aparece um homem conduzindo uma motocicleta com uma mulher na garupa. A polícia acredita ser a adolescente e um processo de melhoramento da imagem está sendo feito para se chegar a conclusão. O delegado informa ainda que outras imagens estão sendo analisadas no trabalho de investigação.

Laudo da necropsia
O laudo da necropsia da adolescente saiu na quinta-feira (22) e ficou constatado que a causa da morte foi sufocamento. Não foi comprovado através do exame de necropsia o estupro, nem a gravidez da garota. A polícia aguarda ainda os resultados de exames laboratoriais.

Fonte: Acorda Cidade / Andrea Trindade e Daniela Cardoso
Com informações do repórter Aldo Matos do Acorda Cidade

Depois da colisão entre carretas, quebras molas instalados na BR – 324, provoca mais acidentes

Menos de 24h, do grave acidente envolvendo duas carretas, tendo como resultado a morte de Luciano Sirqueira Bacelar, que residia na cidade de Filadélfia, fato registrado no final da noite de quarta-feira, 21 de fevereiro, a PRF – Polícia Rodoviária Federal – Posto 2, com sede em Capim Grosso, registrou no início da noite de ontem um engavetamento.
De acordo com informações do Inspetor Lopes Júnior, ao REPORTERBAHIA, a notícia com responsabilidade, um caminhão freou por conta da lombada implantada pelo DNIT, dois veículos que vinham atrás foram atingidos por uma carreta que não conseguiu frear a tempo, provocando um engavetamento, mas sem vítimas, apenas danos materiais.
“O DNIT – Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes – precisa tomar providências urgentemente diante das gravidades, mas é bom lembrar que existem placas sinalizados os quebra-molas, como forma de alerta mais uma vez aos condutores. Os dois redutores de velocidades, foram implantados há cerca de 2km do Distrito de Itatiaia, munícipio de São José do Jacuípe", colocou o Inspetor Lopes Júnior.
Texto: Arnaldo Silva, DRT – 2805/BA – Fotos: Redes Sociais. 

No dia 24 de fevereiro, (sábado), acontece o "1° Sê Feliz, Sê de Deus" em São José do Jacuípe.

 Evento esse que ocorrerá no ginásio de esportes do Colégio Municipal de São José, a partir das 13h00. 

Começando a tarde com louvor, pregação, oração, ainda contará com a participação do Padre Darlan dos Santos para a Santa Missa. 

Encerrando com o show da Banda de Pagode Católica Bote Fé. 

A BoteFé é uma banda de pagode católico que surgiu a partir da experiência vivida por jovens no Camping Friends (projeto da Igreja Católica - Paróquia São Roque - Serrolândia/BA).
Com o intuito de evangelizar através do ritmo genuinamente baiano, a BoteFé quer levar Deus de maneira divertida, mas também carrega como outro propósito a evangelização dos jovens integrantes, bem como aos jovens e público geral que assistem à apresentação da banda.

O "Sê Feliz, Sê de Deus" inicia um trabalho onde visa a conversão pessoal de cada um através do evangelho, que assim os jovens abram seu coração para que Cristo com sua palavra entre na vida de cada um, que deixem entrar a semente da Palavra de Deus e germine. Para que assim possam serem protagonistas da mudança com esses corações jovens construindo um mundo melhor. Bote fé, bote esperança, bote amor.

Organização: Comunidade São José 
Apoio: Jovens Camping Friends e Renovação Carismático Católica de Serrolândia.

Tabela do Campeonato Brasileiro Serie A 2018.

Visita Online