Web Rádio Foguinho Eventos Zap (74)99954-6957

26 de nov. de 2015

Em nota, Hospital Deputado Luis Eduardo Magalhães de Mairi diz que não negou atendimento a criança alérgica

A jovem Sabrina tem um filho de 05 meses que é alérgico a proteína do leite (APLV). Segundo ela, há uns dias ele vem apresentando reação devido a algo ingerido com leite ou traços de leite, já que nem todos os alimentos vêm identificando se consta ou não. 

Desde ontem, ela entrou em contato com o Hospital Deputado Luís Eduardo Magalhães, de Mairi, para conseguir atendimento para o seu filho, mas o mesmo negou atendimento. Ainda segundo ela, no dia de hoje tem uma pediatra atendendo e eles mesmo assim negaram o atendimento. 

Nota do Hospital 

A direção do Hospital Deputado Luis Eduardo Magalhães (HDLEM) informa que não é responsável pelo agendamento eletivo do Serviço de Pediatria da unidade. Os pacientes eletivos são orientados a procurar a Secretaria Municipal de Saúde, para solicitar o pedido de consulta com pediatra. É importante destacar que este específico serviço do HDLEM atende casos eletivos, por agendamento, e casos urgentes, quando o paciente comparece à unidade. No caso citado pela matéria, a família não levou o paciente à unidade, apenas telefonou solicitando consulta eletiva (não urgente) e foi orientada sobre o protocolo para estes casos. Portanto, é equivocado o teor da matéria divulgada, uma vez que o hospital não nega atendimento a pacientes.

Empresa esclarece o motivo do asfalto derreter na BA-130, entre Várzea da Roça e São José do Jacuípe

Em relação à publicação no seu renomado e acessado Blog no dia 25.11.15, referente à matériaAsfalto "derrete" na BA-130, entre Várzea da Roça e São José do Jacuípe, venho informar e esclarecer o ocorrido.

Como foi observado por todos em decorrência da restauração da BA-130, trecho que liga os municípios de Mairi a São José do Jacuípe, houve um aumento significativo do tráfego na estrada, inclusive com o tráfego de caminhões pesados do tipo bi-trem com peso bruto em torno de 70 ton e caminhões semi-reboque de três eixos com pá-eólica com peso bruto em torno de 160 ton, esse tráfego foi constante na rodovia durante a construção dos trechos e também constante sobre o revestimento asfáltico TSD (Tratamento Superficial Duplo) recém construído. O referido tipo de pavimento não foi dimensionado para suportar esse tipo de tráfego e capacidade de carga, que foi embasado no conhecimento prévio do comportamento do tráfego regional e da estimativa de acréscimo decorrente da supressão da demanda, função direta das novas condições funcionais e operacionais propostas para a rodovia.

A obra foi feita dentro dos padrões técnicos propostos em projeto e especificações técnicas do DERBA e acompanhada por profissionais técnicos do próprio órgão e pela Augúrio.

Os locais onde estão ocorrendo a "exsudação" que consiste na migração do ligante presente na mistura betuminosa para a camada de desgaste, resultando em um aspecto negro e brilhante são justamente onde ocorre a frenagem e tração dos veículos, em decorrência dos quebra molas na zona urbana, ocorrendo assim a compressão da camada betuminosa, neste caso, expulsando o betume para a superfície, fato esse que se agravou com o aumento da temperatura na região nesse mês de novembro. Com essa expulsão do ligante, permitiu que os pneus dos veículos grudem, retirando assim uma parte da brita utilizada no TSD.

Venho informar que nossa equipe técnica e operacional estará realizando os serviços necessários para a correção desses pontos localizados, iniciando os mesmos na segunda-feira 30.11.2015.

Atenciosamente,

Augúrio Construções e Terraplenagem Ltda

Hospital Deputado Luís Eduardo Magalhães de Mairi nega atendimento a criança alérgica

A jovem Sabrina tem um filho de 05 meses que é alérgico a proteína do leite (APLV). Segundo ela, há uns dias ele vem apresentando reação devido a algo ingerido com leite ou traços de leite, já que nem todos os alimentos vêm identificando se consta ou não. 

Desde ontem, ela entrou em contato com o Hospital Deputado Luís Eduardo Magalhães, de Mairi, para conseguir atendimento para o seu filho, mas o mesmo negou atendimento. Ainda segundo ela, no dia de hoje tem uma pediatra atendendo e eles mesmo assim negaram o atendimento. 

“Deixo aqui minha indignação quanto a essa unidade de saúde e deixo registrado aqui que estou me dirigindo a Feira de Santana para buscar atendimento porque se demorar em receber atendimento ele poderá ter um choque anafilático. Logo após irei ao Ministério Público prestar uma denúncia contra o órgão”, disse Sabrina. 
Fonte: Agmar Rios

Asfalto derrete na BA-130, entre Várzea da Roça e São José do Jacuípe

Na tarde desta quarta-feira, 25 de novembro de 2015, alguns trechos do asfalto da BA-130, que liga Várzea da Roça a São José do Jacuípe, estavam derretendo.

O referido trecho de 19 quilômetros da rodovia foi recuperado pelo governo do estado. A recuperação durou cerca de 04 meses e foi inaugurada no dia 10 de setembro deste ano.

Os municípios de Várzea da Roça, São José do Jacuípe, Mairi, Baixa Grande e Capim Grosso, foram beneficiados com esta obra. Depois de concluída, se passaram 04 meses sem apresentar problema.

Agora, o asfalto não está suportando o calor forte deste mês e começou a derreter em alguns trechos. Provavelmente, a empresa responsável pela obra deverá realizar o conserto dos lugares danificados.

Um motorista que não quis se identificar, fez a seguinte pergunta: Será que é por causa do calor? Ou o material deste asfalto que é de péssima qualidade?
Fonte: Agmar Rios

Chove na cidade de Irecê

As ruas no centro da cidade de Irecê ficaram alagadas devido a chuva que caiu na tarde de quarta-feira, 25 de novembro de 2015.

A chuva durou pouco tempo, mas foi o suficiente para deixar alguns estragos. Um deles foi no Bar Birosca, no bairro Asa Sul.

A chuvarada acompanhada de vento forte deixou o toldo do bar completamente destruído. O estabelecimento estava fechado no momento. Ninguém ficou ferido.

A mairiense Ceci Oliveira de Araújo, está em Irecê. Ela disse que é muita chuva, relâmpago e trovão. "Foram duas chuvas pesadas, quase alaga a cidade. Choveu a tarde e a noite", disse Ceci.
Toldo do bar completamente destruído

Visita Online